Conheça os critérios a ter em conta para escolher o melhor vidro para janelas, de modo a que consiga escolher o vidro ideal para as suas janelas.

Escolher o melhor vidro para janelas

Publicado em Blog

Este artigo do blog Alunefe diz-lhe como escolher o melhor vidro para janelas.

Escolher o vidro ideal para as suas janelas

Os vidros têm várias funções; ao escolher o vidro certo para as janelas, terá de adaptar essas mesmas funções às suas necessidades e à orientação geográfica de cada vidraça.

O melhor vidro certo consoante a orientação geográfica

Se numa fachada virada a sul ou poente o fator solar é determinante para que as habitações não estejam sujeitas à entrada do calor proveniente dos raios solares, o mesmo já não acontece numa fachada virada a norte, onde o mais importante é que o calor se mantenha dentro das nossas casas, principalmente nos meses frios de inverno. Por conseguinte, há que ter este aspeto em conta ao escolher o vidro ideal para as suas janelas.

Não devemos, portanto, generalizar nem pensar que pelo facto dos vidros habitualmente se denominarem "térmicos", produzem todos os mesmos efeitos, pois cada vidro cumpre a sua função específica.

No verão quando o sol incide sobre o vidro da janela, este aquece e converte-se num “radiador” que introduz o calor no espaço.

Caso queira evitar esta entrada de calor, o vidro ideal para as suas janelas será um que proporcione controlo solar. Em função da orientação e o calor do clima de verão deve considera-se um vidro com maior ou menor controlo solar.

  • Fatores a ter em conta ao escolher o vidro certo para as janelas

    Capas de controlo solar

As capas de controlo solar - um dos fatores a ter em consideração ao selecionar o melhor vidro para janelas - atuam principalmente nas transferências luminosas e de energia por radiação, ou seja, a sua aplicação tem uma maior influência nos valores do fator solar (g) e do fator de transmissão luminosa (TL)

Composição Ug g TL (%)  Preço m2
6mm-cx.16-4mm 2,7 0,77 81 22 Euros
6-cx.16-4 CS 1,4 0,42 70 45 Euros

 

Ao contrário, no inverno, nas zonas próximas das janelas cria-se um ambiente frio que faz com que na sua proximidade se sinta de forma especial uma sensação térmica inferior à temperatura da habitação. Mediante estas circunstâncias podemos afirmar que o vidro ideal para as suas janelas será o que conseguir diminuir este efeito denominado de “parede fria”; pois bem, esse vidro insere-se na categoria dos vidros de Isolamento Térmico Reforçado.

  •  Vidros baixo emissivos

Os revestimentos de vidros que os tornam baixo emissivos ( low-e) têm como função reflectir a energia por radiação gerada no interior da habitação, permitindo, no entanto, a entrada de energia através da radiação exterior. Deste modo, se pretender uma redução do do coeficiente de transmissão térmica (Ug), o melhor vidro para janelas será um vidro com este tipo de revestimentos.

Composição Ug g TL(%)  Preço m2
6mm-cx.16-4mm 2,7 0,77 81 22 Euros
6-16-4 BE 1,4 0,61 79 35 Euros
  •  Incorporação de gases nobres na câmara

Os gases nobres cuja incorporação nas câmaras dos vidros duplos e triplos mais comuns são o Árgon, o Cripton e o Xénon, sendo entre estes, o Árgon o mais utilizado.

O objetivo da sua utilização é a melhoria do desempenho térmico das unidades de vidro duplo ou triplo, uma vez que reduzem as transferências de energia por condução.

Composição Ug g TL (%) Preço m2
6-16 Argon - 4 BE 1,1 0,62 79 44 Euros
6-16 Argon - 4 CS 1,1 0,42 70 54 Euros
  • Conceitos base

  Factor de transmissão luminosa (TL):
Percentagem de energia luminosa transmitida pelo vidro, em relação ao fluxo luminoso incidente.
 • Factor solar (g):
Relação entre a energia total que entra num local ( fracção de energia transmitida + parte absorvida e irradiada ao interior pelo vidro ) e a energia solar incidente.
 • Coeficiente de transmissão térmica (Ug):
Medida de ganho ou perda de calor através de um vidro devido à diferença entre a temperatura interior e exterior.

Na Alunefe teremos todo o prazer em o ajudar a encontrar o vidro ideal para as suas janelas.